top of page
  • Luís Ricardo Velho

Nova Versão 2.0 do Módulo de Estoque do Lumina ERP


A grande diferença dessa nova versão do estoque para o anterior é o beneficiamento de matéria prima. Esse processo ocorre basicamente em 5 passos:


1° Passo é a compra de matéria prima de 1 ou mais fornecedores. Por exemplo para produzir um Caixilho compramos: perfil, vidro, rebite, cantoneira, etc. Que entrarão no estoque como insumos normais. Notas de material que vem de fornecedores diversos.


2° Passo dentro do sistema será enviado esses insumos através de simples remessa para industrialização. Então haverá um fornecedor que produzirá o caixilho e ele irá receber os materiais comprados pela construtora através de simples remessa.


3° Passo o fornecedor que produzirá o caixilho no processo de industrialização irá devolver para a construtora de uma vez ou através de várias devoluções, uma nota de retorno de material. Nessa processo ainda poderão ocorrer devoluções de materiais que não foram utilizados ou materiais que foram inutilizados no processo (estragou, perdeu)


4° Passo será a nota da industrialização ou seja, uma nota de serviço.


5° Passo será a ordem de produção, um processo onde o usuário seleciona o produto industrializado, por exemplo o caixilho, e relaciona os itens utilizados na sua composição. De tal forma que no final do processo é possível saber tudo que saiu de materiais para a industrialização, tudo que ficou em posse de terceiros, tudo que foi utilizado e todos os materiais industrializados.




Outro processo que é diferente nessa versão de estoque é a de Pré Requisição do estoque. Ele funciona da seguinte maneira:


1- Primeiramente fazemos uma Pré Requisição com os itens a serem requisitados. Nesse ponto existe uma diferença em relação a versão do estoque anterior. Na versão inicial os itens eram retirados do almoxarifado através da nota fiscal, agora é possível fazer via Pré Requisição dos itens e por trás desse processo o Lumina dá baixa nas notas fiscais por ordem de entrada. Outro ponto importante é que agora é possível identificar onde o material está alocado na EAP.


2- O segundo passo é que depois de feita a Pré Requisição, existe o processo de aprovação.


3- Quando a aprovação ocorrer, ela envia para o almoxarifado esse documento que por sua vez é convertido de uma Pré Requisição para uma Requisição normal e nesse momento é quando o almoxarife entrega o material para o requisitante.




O vídeo abaixo explica como funciona a nova versão do controle de Estoque do Lumina bem como a gestão de beneficiamento/industrialização de materiais.


 

Assista ao vídeo tutorial de veja como está funcionando essa nova versão 2.0 do módulo de estoque:














Fale conosco agora mesmo para maiores informações:


bottom of page